Bacharelado em Ciência da Computação completa 30 anos Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas - CCE Departamento de Informática - UFV

Endereço

Departamento de Informática
Universidade Federal de Viçosa
Campus Universitário
36570-900, Viçosa, MG – Brasil
Tel.: +55 (31) 3899-2396
ou 3899-2397
FAX.: +55 (31) 3899-2394
E-mail: dpi@ufv.br

Histórico

Oficialmente criado em 30 de abril de 1992, o Departamento de Informática (DPI) surgiu em virtude da dificuldade de coordenação de um grande número de atividades com características distintas dentro de um mesmo departamento. A atuação diversificada do Departamento de Matemática (DMA) nas áreas de Matemática Pura, Ciência da Computação e Estatística constituía uma tarefa de difícil coordenação. O DMA era responsável por diversas disciplinas de graduação e pós-graduação, além da administração de todos os laboratórios de informática destinados ao ensino na Universidade.

A idéia de se criar o Departamento de Informática originou-se de um grupo de professores que atuavam na área de Ciência da Computação. A proposta foi submetida ao Colegiado do DMA em 7/2/1992, tendo sido aprovada por unanimidade. No dia 30 de abril de 1992 foram inauguradas as instalações do DPI, localizadas no antigo prédio da Prefeitura do Campus. O novo departamento agrupava os professores das áreas de Ciência da Computação, Estatística e Pesquisa Operacional, e contava com um laboratório de computadores e gabinetes para os professores da Ciência de Computação, além da infra-estrutura necessária para o desenvolvimento de atividades de ensino e pesquisa na área, promovendo a consolidação do curso de Bacharelado em Informática e inserindo toda a comunidade universitária em um novo contexto de uso dos recursos computacionais. Os professores da área de Estatística permaneceram nas instalações do DMA até a conclusão das novas instalações do prédio do Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas (CCE). Em fevereiro de 2000, o DPI passou a ocupar a ala B dos 3º e 4º andares do prédio do CCE, onde passou a contar com um espaço físico mais adequado para o desenvolvimento de suas atividades. São 32 salas de gabinetes para professores, 8 laboratórios de ensino de graduação, pós-graduação e pesquisa e diversas salas de apoio como secretarias, sala de reuniões, sala de alunos de pós-graduação, etc.

No dia 4 de junho de 2009, em decisão unânime do Conselho Universitário (Consu), foi aprovada a criação do Departamento de Estatística (DET) no campus de Viçosa. Com esta nova divisão, o DPI passa a ser formado apenas por docentes da área de Computação. A partir desta data, todos os docentes da área de Estatística foram lotados no novo departamento.

Recursos Humanos

O DPI conta com um total de 18 professores efetivos, sendo a maioria doutores e alguns mestres com doutorado em andamento.

O DPI possui atualmente, entre assistentes administrativos e apoio, um total de 8 funcionários responsáveis pelo atendimento e serviços em dois setores distintos (prédio do CCE e prédio da CEF). Além do expediente diurno, os laboratórios gerenciados pelo DPI funcionam até as 23 horas durante a semana e aos sábados pela manhã.

Recursos Computacionais

O Departamento gerencia vários laboratórios de computação contendo PCs e servidores, todas as máquinas conectadas à Internet via a UFVNet.

A partir de 1996, o DPI assumiu a administração do Laboratório de Informática, localizado no 2º andar do prédio da Caixa Econômica Federal, para atendimento aos alunos dos diversos cursos da UFV, principalmente para realização da parte prática das disciplinas de Introdução à Programação e Introdução à Computação as quais são disciplinas de massa.

O Departamento de Informática possui vários laboratórios destinados às atividades de ensino, pesquisa e extensão, sendo alguns abertos a estudantes de todos os cursos e outros de uso dedicado dos alunos de Ciência da Computação dos cursos de graduação e pós-graduação. Ao todo o DPI gerencia mais de 150 máquinas conectadas em rede. O DPI possui três laboratórios de pesquisa, cujos equipamentos foram obtidos por meio de projetos financiados pela FINEP, CNPq e FAPEMIG.

Atividades Desenvolvidas

O DPI é responsável pelo oferecimento da maioria das disciplinas para o curso de Bacharelado em Ciência da Computação, antigo Bacharelado em Informática, cursos nos quais já se formaram mais de 600 profissionais. O curso de Ciência da Computação obteve o conceito A na avaliação do MEC em 2000 e vem tendo grande procura no processo seletivo.

Além disso, o DPI oferece disciplinas da área de computação para a maioria dos cursos de graduação da UFV.

O DPI vem aumentando significativamente sua atuação na pós-graduação. No período de 2000 a 2002 o DPI ofereceu, em convênio com o Departamento de Ciência da Computação da UFMG, o curso de Mestrado em Ciência da Computação, com oito vagas anuais. Em fevereiro de 2004 a CAPES aprovou a criação do curso de Mestrado Stricto Sensu em Ciência da Computação da UFV. Em abril deste mesmo ano iniciou a primeira turma com seis estudantes. Em 2005, entraram no mestrado oito estudantes e a partir de 2006 o número de vagas subiu para dezesseis.

Administração

Em 1992, por ocasião da criação do DPI, a chefia foi assumida pelo Prof. Leacir Nogueira Bastos (15/05/1992). Posteriormente passaram pela chefia os seguintes professores: José Luís Braga (01/08/1992), Luiz Aurélio Raggi (06/11/1992), Heleno do Nascimento Santos (22/11/1994), Luiz Carlos de Abreu Albuquerque (15/08/1996), Carlos de Castro Goulart (15/12/2000), Alcione de Paiva Oliveira (20/03/2003) e Prof. Jugurta Lisboa Filho (27/06/2005), Prof. Mauro Nacif Rocha (18/07/2007). Atualmente, o cargo está sendo exercido pelo Prof. Leacir Nogueira Bastos (31/08/2009).


Equipe de Desenvolvimento Web/UFV - 2013 - Mantido com Wordpress